Follow by Email

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

NASCER DO SOL E LIVROS

Assim vejo a aurora da janela da minha cozinha, flores, sol, possibilidades ...
Logo que o dia inicia, já estou numa das minhas tarefas mais amadas, ler.
Enquanto o azáfama do dia não começa, aproveito o silêncio e leio, reflito, e hoje refleti muito e ainda estou a pensar sobre o que li de manhã.
Como havia falado do propósito desse blog de também indicar livros, hoje indico dois: Sermão da Sexagésima de Padre Antõnio Vieira 1655, absolutamente brilhante, impecável e profundo...E
A Revolução de uma Palha de Masanobu Fukuoka( esse não pude ler, só há em editora portuguesa e não encontrei aqui), mas um amigo disse ser magnífico. Estarei a procura para estudá-lo(não me parece ser livro de leitura amena, parece ser daqueles livros que mudam a vida da gente).
E refletindo nas perfeições de Deus, das quais fala nosso amado Vieira, hoje andei a observar uma flor, impressiona pela beleza e riqueza de detalhes.Ei-la, chama-se Hibisco.A quem se aventurar nos livros, indico o início do dia pelo silêncio que naturalmente convida a reflexão.